domingo, 20 de maio de 2012

Nos pênaltis, Chelsea bate o Bayern e conquista título inédito


O Chelsea conquistou neste sábado o primeiro título de campeão da Champions League de sua história. Na Allianz Arena, diante do Bayern de Munique, o time inglês sofreu um gol no final do segundo tempo, com Thomas Muller, mas Didier Drogba empatou a partida, por 1 a 1. Após uma prorrogação sem gols, os Blues, nos pênaltis, bateram o clube alemão por 4 a 3, em noite de destaque do camisa 11 do time londrino.

Desde o primeiro tempo, o Bayern de Munique teve maior posse de bola e tentava explorar jogadas laterais, com Ribery, pela esquerda, e Robben, pela direita. Ainda assim, não conseguia entrar na defesa do Chelsea, bem postado defensivamente e que buscava incomodar em contra-ataques.

Mesmo com maior posse de bola, o clube bávaro chegou ao seu gol apenas aos 37 minutos do segundo tempo com Muller, de cabeça. O time alemão, porém, provou do próprio veneno cinco minutos depois e, também pelo alto, Drogba igualou o placar, levando a partida para a prorrogação.

No tempo extra, logo aos dois minutos Ribery foi derrubado por Didier Drogba dentro da área. Arjen Robben decidiu que iria cobrar a penalidade. O camisa 10, porém, chutou apenas com força, sem muita precisão e o goleiro Petr Cech caiu no canto esquerdo e conseguiu fazer a defesa, sem dar rebote.

Sem gols nos últimos 30 minutos, a partida foi para os pênaltis. Com erros de Schweinsteiger e Olic, o clube inglês venceu, já que apenas Mata perdeu sua cobrança. Drogba, decisivo no gol durante o tempo normal, e quase vilão no início da prorrogação, fechou a série rolando a bola no canto direito de Neuer, para grande festa do time inglês, na Alemanha.


Fonte: Gazeta Esportiva

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics