quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Anvisa quer mais rigor em tarja vermelha


Pílula anticoncepcional é um dos medicamentos que poderão passar a precisar de receita para a venda

Imagem: Divulgação

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) vai aumentar a fiscalização na venda de remédios com tarja vermelha, que pela lei só deveriam ser comercializados com receita médica. A medida é polêmica porque muitos desses medicamentos são de uso contínuo, como a pílula anticoncepcional.

Existem dezenas de tipos diferentes de pílulas, que as mulheres escolhem sem nem sempre consultarem seus médicos. Para a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia é preciso rever a obrigatoriedade da receita para evitar o aumento do número de gestações indesejadas.


Cabedelo na WEB com Jornal da Band
(29/08/2012)

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics