sábado, 8 de março de 2014

Região Metropolitana de João Pessoa tem Dia D de vacina contra sarampo.



Imagem: Divulgação/Internet.
O Dia D da Campanha de Vacinação Emergencial contra o Sarampo será realizado neste sábado (8), em cinco municípios da Região Metropolitana de João Pessoa: Conde, Santa Rita, Cabedelo,  Bayeux e a própria capital. O objetivo é de imunizar crianças de seis meses a cinco anos de idade nas Unidades de Saúde da Família (USF) e em postos móveis das 8h às 17h. A expectativa é vacinar 95% de 70.747 crianças dos cinco municípios.

Iniciada no dia 26 de fevereiro, a campanha de vacinação emergencial deseja interromper a cadeia de transmissão do sarampo na região Nordeste, já que vem acontecendo um surto da doença nos estados do Ceará e Pernambuco. Em dezembro de 2013, o Ministério da Saúde registrou 200 casos da doença, sendo 190 no Nordeste.

Segundo a coordenadora de Imunização da Prefeitura, Chiara Dantas, em João Pessoa além de todas as Unidades ficarem abertas, serão instalados dez postos móveis em locais de grande movimentação: Bompreço da Av. João Machado; Atacadão, no José Américo; Manaíra Shopping; Shopping Sul; Shopping Tambiá; Carrefour da BR-230 e do Bancários; Hiper Bompreço da BR-230; Extra da Av. Epitácio Pessoa; e Superbox Brasil, no bairro do Bessa. Os pais devem levar seus filhos, mesmo os que já tenham sido vacinados, e o cartão de vacinação.

“Neste sábado a Secretaria de Estado da Saúde (SES) vai estar presente nos cinco municípios fazendo visita técnica para dar todo o apoio que necessitem. Até agora, pelo que estão nos informando, a procura pela vacina tem sido boa, apesar do período de carnaval, mas a nossa expectativa é que neste Dia D aumente a cobertura vacinal”, disse a chefe de Imunização da SES, Isiane Queiroga.

De acordo com o Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde, a data de término da campanha será no próximo dia 14 de março e vale lembrar que a vacina é tríplice viral imunizando contra o sarampo, caxumba e rubéola.

A vacina contra o sarampo não deve ser administrada em crianças com imunodeficiência congênita ou adquirida, câncer ou que estejam em tratamento utilizando corticosteroides em esquemas imunodepressores. As crianças submetidas à quimioterapia, radioterapia, entre outros, também devem ser imunizadas.


Fonte: G1/PB


0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics