terça-feira, 14 de outubro de 2014

EDUCAÇÃO - Enem 2014: Aplicativos digitais ajudam a organizar estudos.



Além dos tradicionais materiais de apoio para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os estudantes podem complementar seus estudos por meio de aplicativos gratuitos voltados para quem possui smartphone ou tablet.

Os aplicativos são softwares digitais, em sua maioria didáticos e de fácil acesso, que contam com interface clara e objetiva. Entre eles, está o 'TED Conferences', aplicativo que pode dinamizar e facilitar o estudo para o Enem. Com ele, os estudantes podem assistir a palestras, vídeos, além de assistir áudios de profissionais de diferentes áreas do conhecimento.

Outra opção é o 'Fórmulas Free', disponível em português a ferramenta além de reunir fórmulas básicas de matemática, também auxilia o estudante a fazer alguns cálculos. O aplicativo ainda disponibiliza conteúdos sobre geometria, álgebra, equações, entre outros.

Língua portuguesa

Vale lembrar que a ortografia é uma das exigências do exame durante a correção da redação. Dessa forma para ajudar em relação às dúvidas, a Academia Brasileira de Letras lançou um aplicativo em que se pode fazer consultas sobre o vocabulário ortográfico da língua portuguesa. A ferramenta se chama 'Volp' e com ela é possível ter acesso aos mais de 400 mil verbetes que já seguem as novas regras previstas pelo acordo ortográfico. 

O aplicativo pode ser baixado em dispositivos Android, pelo Google Play, e em dispositivos da Apple, pela App Store. Um dos recursos do aplicativo é o de autocompletar-se. Quando a pessoa começa a digitar uma palavra, automaticamente aparece uma listagem de possíveis resultados na tela, e ela poderá encontrar a exibição do vocábulo antes mesmo de terminar a redação de tal termo. É possível também aumentar a letra, para facilitar a leitura.

"A vantagem é que, tendo uma dúvida qualquer a respeito de ortografia, pode-se estar no metrô, na rua, onde estiver, com um celular ou tablet, em poucos segundos, tem-se a resposta de como se escreve a palavra", explica o presidente da ABL, Geraldo Holanda Cavalcanti.

Segundo ele, a tendência do mundo é a composição entre o que é impresso e o que é digitalizado. Utilizando-se dessa ferramenta, a Academia poderá "prestar serviço a um número cada vez maior de usuários, especialmente os estudantes”, completa.

Preparação

Além dos aplicativos, o candidato pode se preparar utilizando diversas plataformas on-line de estudo como o ‘Questões Enem’, oferecida gratuitamente pela Empresa Brasil de Comunicação.

O aluno pode acessar o aplicativo, que consiste em um banco de questões que reúne as provas de 2009 a 2013. No sistema é possível escolher quais áreas do conhecimento quer estudar. O banco seleciona as questões de maneira aleatória.

Outra opção é o Geekie Games, selecionado pelo Ministério da Educação (MEC) por meio de edital. A plataforma oferece textos, videoaulas, simulados e jogos para os estudantes, tudo on-line.

O projeto idealizado pela 'Geekie' disponibiliza conteúdo gratuito para todos aqueles que queriam se preparar para o Enem. Ao entrar na plataforma, o aluno faz um teste diagnóstico para identificar quais são as dificuldades e níveis de proficiência em diferentes assuntos, de cada um.

Com o relatório em mãos, o aluno tem acesso a um plano de estudos personalizado baseado nas suas dificuldades e pode estudar em aulas disponíveis na própria plataforma. Ao concluir suas atividades, o estudante faz um novo diagnóstico que testará, além dos assuntos já abordados, outros diferentes. Dessa forma, ele tem acesso a um novo plano de estudos.

Enem 2014

As provas acontecerão no dia 8 e 9 de novembro. No primeiro dia, será aplicada a prova de ciências humanas e ciências da natureza e suas tecnologias. A prova vai durar 4h30. Já no segundo dia de prova, os alunos responderão questões de linguagens, códigos e suas tecnologias e matemática. A redação também será aplicada no dia 9. O tempo da prova será de 5h30.

O Enem de 2014 será realizado em 1.699 municípios. Nos dois dias de prova, os portões de acesso serão abertos às 12h e fechados às 13h, de acordo com o horário de Brasília.

Saiba mais

A nota do Enem pode ser usada para participar de vários programas, entre eles o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas no ensino superior público; o programa de acesso a universidades privadas, que disponibiliza bolsas em instituições particulares; e o Sistema de Seleção Unificada do Ensino Técnico e Profissional (Sisutec), que destina a estudantes vagas gratuitas em cursos técnicos. 

O Enem é também pré-requisito para firmar contratos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e para concorrer a bolsas de intercâmbio pelo Programa de mobilidade internacional.


Fonte: Portal Brasil com informações da Empresa Brasil de Comunicação, Ministério da Educação e Agência Brasil 


0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics