quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Cabedelo se prepara para sediar 1ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde



Nos próximos dias 24 e 25, a cidade portuária sedia a 1ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde (CMVS) de Cabedelo e Lucena. O evento, que acontecerá no Cabedelo Clube, terá como tema “Política nacional de vigilância em saúde e o fortalecimento do SUS como direito à proteção e promoção da saúde do povo brasileiro”.

A Conferência deve reunir 150 inscritos, entre representantes da saúde, da sociedade civil organizada e usuários, e tem por objetivo analisar as prioridades constantes do documento orientador e elaborar propostas para o fortalecimento dos programas e ações de vigilância em saúde.

Caberá aos conselhos e secretarias executivas municipais de saúde de Cabedelo e Lucena a coordenação do evento, que integra três etapas: I Etapa Preparatória, II Etapa Estadual (10 e 11 de outubro) e a III Etapa Nacional (entre 21 e 24 de novembro). 

“É uma honra para Cabedelo sediar um evento dessa importância ao lado de um município irmão como Lucena e dentro de uma nova dinâmica regional. O que muito ajuda a encurtar distâncias e o tempo na realização dos trabalhos. Portanto, estamos engajados para receber os participantes da melhor maneira possível, produzindo propostas que consigam fazer a diferença no futuro próximo”, comentou o presidente do Conselho Municipal de Saúde de Cabedelo (CMS), Genésio Ewald.

Temas - Os trabalhos da conferência serão desenvolvidos em um eixo principal e quatro eixos temáticos. O eixo principal será sobre “Fortalecimento dos programas e ações de vigilância em saúde”. Já os eixos temáticos foram divididos em quatro temas: “O lugar da vigilância em saúde no SUS”; “Responsabilidades do Estado e dos governos com a vigilância em saúde”; “Saberes, práticas, processos de trabalho e tecnologias na vigilância em saúde”; e “Vigilância em saúde participativa e democrática para enfrentamento das iniquidades sociais em saúde”.

“Estamos ansiosos pela oportunidade de um espaço adequado ao debate e à construção de propostas sobre essa importante área. Particularmente, tenho bastante interesse nos Eixos I e II, que tratam do lugar da vigilância em saúde no SUS e sobre as responsabilidades do Estado e governos para com essa atividade”, disse Antônio Bezerra, representante dos usuários do SUS no evento.


Secom Cabedelo

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics