terça-feira, 21 de outubro de 2014

Secretaria de Saúde de Cabedelo realiza testes gratuitos para diagnóstico da Sífilis.



A Prefeitura Municipal de Cabedelo, através de sua Secretaria da Saúde, intensifica a oferta de testes rápidos para diagnóstico da sífilis durante esta semana. As ações estão sendo coordenadas pela Vigilância Epidemiológica, Serviço de Assistência Especializada (SAE) e Atenção Básica do município desde o último sábado (18), dentro do programa federal do “Dia Nacional de Combate à Sífilis”.

Com o slogan “Dia Nacional de Combate à Sífilis: governo e sociedade civil juntos rumo à eliminação até 2015”, a cidade de Cabedelo integra a mobilização, que visa, principalmente, a prevenção à saúde da população cabedelense. Os interessados em realizar o exame devem buscar, de forma gratuita, os postos de atendimento espalhadas em diversos pontos da cidade.

“A sífilis, e em particular a sífilis congênita, é passível de controle e eliminação. Por isso, estamos empenhados em incentivar as mulheres em idade fértil e gestantes a fazerem o teste e obterem a cura, em caso positivo, tão importante para a saúde neurológica dos seus bebês”, orienta Lisete Pimentel, gestora da Vigilância em Saúde de Cabedelo.

Até amanhã (22), os testes estão sendo realizados na Policlínica de Cabedelo, das 8h00 às 11h00; no Hospital e Maternidade Municipal Padre Alfredo Barbosa (HMMPAB) e no Anexo Hospitalar, das 8h00 às 13h00.

Também serão utilizados Postos Volantes, que visitarão algumas localidades, sempre das 8h00 às 13h00. Na quarta-feira (22), o Posto Volante estará em Salinas Ribamar. Na quinta (23) será a vez do Renascer II; e na sexta-feira (24), o bairro de Camalaú irá receber a ação.

Além desses Postos, o atendimento também será feito, das 8h00 às 13h00, nas Unidades Básicas de Saúde dos bairros de Camboinha, Centro, Jardins, Jardim Manguinhos, Monte Castelo, Oceania, Ponta de Matos, Poço e Renascer III – Equipes 1, 2 e 3.

Em Cabedelo, o Serviço de Assistência Especializada (SAE) / Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, pode ser contatado pelos fones: (83) 3250.3279 / 3250.3141.

Sobre a Sífilis - A sífilis é uma doença infecciosa causada pela bactéria Treponema pallidum, e que pode se manifestar em três estágios. Os maiores sintomas ocorrem nas duas primeiras fases, período em que a doença é mais contagiosa. O terceiro estágio pode não apresentar sintoma e, por isso, dá a falsa impressão de cura da doença.

A sífilis pode ser transmitida de uma pessoa para outra durante o sexo sem camisinha com alguém infectado, por transfusão de sangue contaminado ou da mãe infectada para o bebê durante a gestação ou o parto. O uso da camisinha em todas as relações sexuais e o correto acompanhamento durante a gravidez são meios simples, confiáveis e baratos de prevenir-se contra a sífilis congênita.

Os primeiros sintomas da doença são pequenas feridas nos órgãos sexuais e caroços nas virilhas (ínguas), que surgem entre a 7 e 20 dias após o sexo desprotegido com alguém infectado. A ferida e as ínguas não doem, não coçam, não ardem e não apresentam pus. Mesmo sem tratamento, essas feridas podem desaparecer sem deixar cicatriz. Mas a pessoa continua doente e a doença se desenvolve. Ao alcançar um certo estágio, podem surgir manchas em várias partes do corpo (inclusive mãos e pés) e queda dos cabelos.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a sífilis é uma doença milenar e persistente que atinge mais de 12 milhões de pessoas em todo o mundo, e sua erradicação continua a desafiar a saúde pública.


Fonte: PMC


0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics