quinta-feira, 23 de março de 2017

Projeto pioneiro na Paraíba, Bateria Interativa é ampliado e vai beneficiar alunos do Renascer



Projeto Bateria Interativa na Escola - 
(Foto: Michael Sampaio - Secom Cabedelo) - 
A Secretaria de Educação (Seduc) de Cabedelo por meio do setor de Projetos Educacionais, realizou, nesta terça-feira (21), uma reunião envolvendo a gestão escolar, mães e alunos para a ampliação do Projeto Bateria Interativa na Escola, a ser realizado, nesta edição, com alunos da escola Municipal Plácido de Almeida, no bairro do Renascer.

O projeto, pioneiro na Paraíba, teve início em junho do ano passado, com um polo no Centro. Esta segunda edição será ampliada para contemplar alunos de outros bairros, no caso, do Renascer. Para isso, foi estabelecida uma parceria com a Associação dos Pescadores e Marisqueiras do bairro, local onde serão ministradas as aulas. Cada módulo da Oficina continuada de bateria terá a duração de quatro meses, com início previsto já para a próxima terça-feira (28).

O Módulo I da oficina continuada de bateria no bairro do Renascer beneficiará 17 alunos, divididos em quatro turmas. Cada turma terá uma aula por semana, pela manhã ou tarde, com duração de uma hora e 30 minutos. Os alunos receberão, em forma de empréstimo, um praticável percussivo e duas baquetas. A cada mês, eles serão avaliados de forma teórica e prática, e ao final do módulo, serão concedidas certificações. Os participantes foram escolhidos entre os alunos do 4º ao 9º ano.

“A oficina foi um sucesso nesse primeiro semestre, e a nossa intenção foi ampliar para beneficiar mais alunos. A música trabalhada em parceria com a escola só tende a trazer resultados positivos, pois melhora a aprendizagem pelo ganho do poder de concentração, a disciplina e também os relacionamentos interpessoais, pelo trabalho em equipe. Por tudo isso, a escola e a comunidade só têm a ganhar”, destacou coordenador de Projetos Educacionais da Seduc, Gilberto Silva.

Além da teoria musical e da prática instrumental, as aulas também contemplam a temática do Ano Cultural em Cabedelo. Segundo o professor Augusto Barbosa, a música faz parte da história cultural de uma cidade e o Padre Alfredo Barbosa, homenageado deste ano, sempre trabalhou em prol da arte e cultura de Cabedelo.

“Apesar de Padre Alfredo Barbosa não ser conhecido por fazer arte e cultura, ele sempre trabalhou como um incentivador, dando o suporte necessário àqueles que a faziam. Dentro do nosso conteúdo vamos inserir a temática do Ano Cultural, reforçando o trabalho desse homem que tanto trabalhou em prol da cultura de Cabedelo”, completou Gilberto.

Para a gestora da escola Plácido de Almeida, Liz Helena, projetos de incentivo à educação serão sempre recebidos com muito entusiasmo pela unidade.

“Quando fomos apresentados a esse projeto, aceitamos de imediato, com muito entusiasmo. É uma iniciativa que vem ampliar os horizontes, oferecendo oportunidade a essas crianças de se tornarem, quem sabe, grandes músicos. A oficina vem a somar junto com os conteúdos formais, incentivando nossos estudantes para a leitura das notas musicais e, consequentemente, para a leitura das atividades escolares”.

Bateria Interativa - A iniciativa pioneira na Paraíba, que faz parte das atividades do Ano Cultural Padre Alfredo Barbosa, tem por objetivo incentivar a musicalidade nas escolas através de atividades com instrumentos percussivos, bem como propiciar benefícios no processo ensino-aprendizagem na vida escolar.

Serão vistos durante o curso tópicos sobre a história da bateria, composição do instrumento, propriedades do som, teoria musical, manuseio do instrumento, rudimentos e ritmos brasileiros.


Secom Cabedelo

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics