sábado, 21 de abril de 2012

Miramar Esporte Clube, CAMPEÃO INVICTO!


Na tarde deste sábado, 21 de abril, no estádio Francisco Figueiredo de Lima, a equipe do Miramar Esporte Clube sagrou-se campeã invicta da 1ª Copa Municipal de Futebol Sub 20.

Campanha do Miramar: Miramar 5x1 Flamengo (14/01); Miramar 4x0 Atlético (04/02); Miramar 1x0 São Sebastião (25/02); Miramar WO contra o Vasco (10/03); Miramar 4x0 Santos (24/03); Miramar 3x0 Náutico (14/04). Final: Miramar 1x0 Náutico.

Com uma campanha incontestável, os comandados do professor Ailton conseguiram manter um bom nível em todas as suas apresentações, e com muita justiça conseguiram levantar o Troféu de Campeão da 1ª Copa Municipal de Futebol Sub 20, após uma final bastante equilibrada diante a equipe do Náutico, que vendeu caro a derrota.

O Jogo

Nos 10 minutos iniciais, as equipes não conseguiram criar nenhuma chance real de gol, isso porque as defensivas estavam muito bem postadas, afastando todo e qualquer perigo.

Aos 13, o Marcelo do Miramar fez uma bela jogada pela direita, se livrou da marcação e cruzou na área, o lateral Jackson tentou surpreender o goleiro Guilherme, batendo de primeira, a pelota passou raspando o poste esquerdo, e se perdeu pela linha de fundo.

O Náutico respondeu aos 15, jogada individual do Maxwell, pela direita, a atacante invadiu a área e chutou forte, cruzado, o goleiro Andrez, com muito esforço, conseguiu colocar a bola para escanteio. Após a cobrança, a zaga do alviverde afastou a bola para fora da área.

O jogo estava truncado no setor do meio campo, dificultando a criação das jogadas, percebendo essa dificuldade, o time do Miramar começou a arriscar de fora da área, mas deixou a desejar na pontaria. O placar permanecia inalterado, condição essa que favorecia a equipe do Miramar, que poderia até empatar, que mesmo assim levantaria o “caneco”.

Aos poucos, a equipe do Náutico começou a perder o domínio do meio campo, optando para chegar nos contra-ataques, contudo, não estava obtendo êxito em suas investidas. Já a equipe do Miramar, apesar de apresentar um maior volume de jogo no final do primeiro tempo, não conseguia criar boas oportunidades de gol, a bola estava chegando muito mascada à frente, sem qualidade para finalização.

A primeira etapa acabou com o placar em branco. No intervalo, o Miramar fez uma importante substituição, Ailton trocou Fubinha por Evandro, enquanto que o treinador Belmiro do Náutico optou por não mexer na formação do time que terminou o primeiro tempo.

Segundo Tempo

A preleção do professor Belmiro mexeu com o emocional da sua equipe, porque o Náutico retornou para o segundo tempo com muito mais atitude, com relação ao final do primeiro tempo. O alvirrubro foi para cima do Miramar, que se defendia como podia, logo aos 3 minutos, em uma cobrança de falta da intermediária, Maxwell bateu com efeito, a bola tinha endereço certo no ângulo superior esquerdo de Andrez, que se esticou todo, conseguindo colocar a bola para escanteio. Após a cobrança do escanteio, a zaga do Miramar afastou o perigo.

Aos 6, foi a vez do Miramar levar perigo a defensiva do Náutico, o atacante Túlio puxou o contra-ataque, serviu Evandro pela direita, que invadiu a área e bateu forte, cruzado, o goleiro Guilherme, bem colocado, conseguiu realizar uma defesa tranquila.

Aos 9, substituição no Miramar, saiu Ramon e entrou Josenildo (Negueba).

O Náutico continuava ameaçando a cidadela do goleiro Andrez, aos 11, a zaga do Miramar saiu errado, na entrada da área, a bola sobrou para o atacante Rosenilton, que tentou colocar no ângulo superior direito de Andrez, a bola passou muito próximo à trave, e saiu pela linha de fundo.

Aos 16, substituição no Náutico, saiu Rosenilton e entrou Wanderley.

Após as substituições do Miramar e do Náutico, mais sorte para o time do Miramar, haja vista que o Negueba conseguiu dar alma nova ao ataque do Tubarão, enquanto que no Náutico, a saída do Rosenilton reduziu, consideravelmente, o poder ofensivo da equipe alvirrubra.

Na segunda metade do segundo tempo, a equipe do Miramar voltou a mandar no jogo, aos 27, Negueba, em jogada individual, pela direita, invadiu a área e meteu voltando, a bola encontrou Evandro, sem marcação, que bateu de chapa, no canto direito de Guilherme, GOL do Miramar, gol do título.

O gol do Miramar foi uma ducha de água fria para as pretensões do time do Náutico, que não conseguiu mais reagir. Os treinadores ainda realizaram várias substituições, mas nada aconteceu que pudesse dar outro destino ao jogo, que acabou com a vitória do Tubarão do Porto, por um tento a zero.

O Miramar, que jogava pelo empate, por ter sido campeão da fase de classificação, com essa vitória, conseguiu manter os 100% de aproveitamento na competição. O Miramar foi campeão invicto da 1ª Copa Municipal de Futebol Sub 20.

Premiação

O Miramar recebeu o Troféu de Campeão, e uma premiação, em dinheiro, de R$ 1.000,00. O Náutico recebeu o Troféu de Vice-Campeão, e uma premiação, em dinheiro, de R$ 600,00. Todos os atletas do Miramar e do Náutico receberam medalhas, destaque para o Maxwell e o Guilherme do Náutico, que receberam os troféus de artilheiro (cinco gols) e melhor goleiro da competição, respectivamente.

Realização e Apoio

A 1ª Copa Municipal de Futebol Sub 20 foi uma realização da Prefeitura Municipal de Cabedelo, através da Secretaria de Esporte e Turismo, que tem como secretário o professor Clemildo Gomes. A competição, desde a primeira rodada, contou com o apoio do programa Kebramar Esportes e do Portal Cabedelo na WEB.


Por: Fábio Fernandes

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics