quinta-feira, 4 de julho de 2013

Em Cabedelo - Luceninha reduz gasto com Folha de Pagamento.



Foto: Rizemberg Felipe.  
A Câmara Municipal de Cabedelo aprovou na última terça-feira, 2, Projeto de Lei de autoria do prefeito Luceninha (PMDB) que reduz em R$ 5 mil o salário de secretários municipais e R$ 1,2 mil o salário de secretários adjuntos. A medida também atinge servidores que assumiram cargos comissionados por oito anos e que por isso têm direito ao maior salário incorporado. Por mês, a prefeitura de Cabedelo vai economizar cerca de R$ 500 mil que serão investidos, de acordo com o prefeito, em obras de infraestrutura conveniadas com o governo federal.

A redução nos salários vai atingir aproximadamente 80 servidores. Segundo Luceninha, a medida foi necessária para garantir à população obras essenciais de infraestrutura. “Hoje, a maior cobrança do povo de Cabedelo não é educação nem saúde, mas infraestrutura. Temos convênios firmados com o governo federal, onde a prefeitura terá que entrar com uma contrapartida. Portanto, essa economia deverá ser aplicada nas obras de Ponta de Campina, Intermares e da comunidade Vila Feliz”, explicou o prefeito.

Os secretários e servidores com salários incorporados passarão a receber R$ 10 mil, em vez de R$ 15 mil. Já os salários de secretários adjuntos e servidores com igual remuneração receberão R$ 5 mil, em vez de R$ 6,2 mil.

Segundo Luceninha, o secretariado recebeu a redução sem reclamação e nenhum deles optou por deixar o governo. “Nós fizemos um levantamento e constatamos que os secretários de Cabedelo continuarão recebendo um salário adequado às suas funções. Não recebemos qualquer reclamação e lembramos que a redução da folha se fazia necessária para garantir a contrapartida das obras que a população tanto clama e que já temos, inclusive, o recurso federal garantido”, disse.


Por Larissa Claro


Fonte: JP Online

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics