terça-feira, 3 de junho de 2014

Prefeitura inicia Programa de Controle do Tabagismo em Cabedelo.



A Prefeitura de Cabedelo, através da Secretaria Municipal de Saúde (Sescab) abriu, oficialmente, o Programa Municipal de Controle do Tabagismo na última sexta-feira (30). A iniciativa aconteceu durante as atividades realizadas pela equipe da Sescab em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Tabagismo (31/05).

Com o slogan “Tabagismo – apague essa ideia”, o objetivo do Programa, que já está em funcionamento, é levar ao conhecimento da população o novo Centro de Referência para Abordagem e Tratamento do Fumante (CRATF), instalado no Centro Municipal de Saúde Leonard Mozart – Policlínica.

A campanha de combate ao Tabagismo, realizada dia 30, deu uma mostra dos recursos disponibilizados pela Prefeitura de Cabedelo no combate ao fumo. Na ocasião, foram realizados exames de espirometria (avaliação da capacidade pulmonar), testes de Fargstron (avaliação do grau de dependência do fumante), cadastramento dos fumantes para o início do tratamento, além de exercícios de fisioterapia respiratória, exame da cavidade bucal e orientações odontológicas e de acupuntura para fumantes, antropometria (peso / atura / IMC), orientações nutricionais, aferição da pressão arterial e controle da glicemia capilar.

Os fumantes que buscarem atendimento no CRATF receberão, além da necessária avaliação médica, gratuitamente, adesivos, pastilhas e, se necessário, medicação (ansiolíticos) destinada à cura do vício.

“Este programa pretende retomar, de forma interdisciplinar e coordenada, todas as ações necessárias ao bom atendimento aos fumantes, principalmente, sob o aspecto da continuidade. O paciente fumante precisa estar adequadamente assistido ao logo de todo o tratamento, reduzindo o impacto das eventuais crises de abstinência, responsáveis diretas pela reincidência, ou seja, da volta ao vício”, esclareceu Ana Luíza, enfermeira Coordenadora do Serviço Antitabagismo.
  
A abordagem aos fumantes que procurarem atendimento pelo Programa também deverá considerar o componente psicológico do paciente. “A cura ao tabagismo requer, além de muita força de vontade e decisão do fumante, que ele não só tenha conhecimento do mal trazido por este vício, como tenha consciência mental e corporal dos seus efeitos. Afinal, o fumante relaciona, inconscientemente, o ato de fumar e o prazer momentâneo pelo consumo de nicotina, a momentos como comer, beber, ato sexual, entre outros, como ansiedade, solidão, medo, stress e raiva”, explicou o psicólogo Moisés Ortega Anton, principal assistente do pneumologista Alfredo Fagundes, especialista no tema e quem coordena a parte médica do Programa.

O Centro Municipal de Saúde Leonard Mozart – Policlínica está localizado na Travessa São Sebastião, s/n, no Bairro de Camalaú, em Cabedelo-PB. O telefone para contato é (83) 3250.3280

Sobre o tabagismo- O Tabagismo é reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como a enfermidade que provoca o maior número de óbitos evitáveis. No Brasil, responde pelo gasto anual de bilhões de reais para o tratamento de doenças respiratórias, cardiovasculares e do câncer.

É uma doença que atinge o dependente tanto do ponto de vista bioquímico, como comportamental, que leva-o ao vício e, consequentemente, requer uma abordagem terapêutica multidisciplinar. Por isso, ao procurar o Programa, o fumante terá à sua disposição o atendimento por assistentes sociais, enfermeiros, psicólogos, odontólogos, cardiologista e pneumologistas.


Fonte: PMC


0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons
Real Time Web Analytics